Vale a pena comprar sala comercial para investir em 2017?

Saiba se vale a pena comprar sala comercial para investir em 2017 e torne este investimento ainda mais seguro com as dicas que preparamos especialmente para você!

Prédio Comercial
Fonte: Freepik – Evening Tao.

 

Você já deve ter pensado, naturalmente, em investir em algum imóvel, não é mesmo? Afinal, vivemos o presente, mas queremos garantir que nosso futuro seja ainda mais tranquilo e seguro. Talvez sua intenção sempre esteve voltada para algum imóvel residencial – uma casa ou apartamento – e até mesmo um terreno. Mas, em relação às salas comerciais? Já pensou o quanto rentável este investimento pode ser para você?

 

Uma sala comercial pode ser uma boa alternativa para quem deseja investir em um imóvel, ao mesmo tempo que usufrui das vantagens de sua locação. Com contratos de locação quase sempre mais estendidos – às vezes, por décadas – o aluguel de uma sala comercial pode ser uma boa opção para quem deseja uma renda extra.

 

Saiba como a localização e a estrutura de uma sala comercial são aspectos importantes a serem considerados no momento de investir nesse tipo de imóvel. Fique atento também a documentação regularizada e tenha em mente a possibilidade de contratar uma consultoria especializada para ajudá-lo a fazer o melhor investimento com segurança!

 

Localização da sala comercial

Um dos quesitos a considerar na hora de comprar uma sala comercial – talvez um dos mais importantes! – está relacionado com a localização do imóvel. Para que a locação do imóvel perdure por muito tempo e o negócio se mantenha próspero é essencial que o local tenha fluxo intenso de pessoas. Além da área ser movimentada é preciso, também, que o negócio seja de fácil acesso com ruas conservadas e perto de estações de ônibus e metrô.

 

Toda empresa precisa de um local atrativo para desenvolver as suas atividades e obter crescimento em seus negócios. Então, qual dono de negócio alugaria uma sala comercial em uma rua sem movimento ou de difícil acesso? Ou como fariam os clientes ou potenciais clientes se a empresa não dispõe de estacionamento facilitado? Quantas vezes nós mesmos já desistimos de ir em um determinado local por dificuldades ou falta de estacionamento, não é mesmo?

 

Localização e acesso devem ser cuidadosamente verificados na hora de comprar uma sala comercial, afinal estes dois quesitos impactarão diretamente na locação posterior do imóvel. Recomenda-se, também, um passeio pela vizinhança e uma boa conversa com os comerciantes a fim de verificar as características de demanda da região.

 

Estrutura do imóvel

O investidor que pretende comprar uma sala comercial e, posteriormente, alugá-la deve estar atento as possibilidades de atividades de locação ou ramos de negócio/segmentos que a sala comportará.

 

As salas comerciais são diferentes em sua estrutura e, portanto, estão naturalmente mais aptas para um determinado nicho de mercado do que outros. A estrutura de uma sala comercial para fins de escritório ou atividades administrativas é diferente de um imóvel que será alugado para o ramo alimentício – por exemplo, um bar, restaurante ou lanchonete.

 

É importante que o investidor esteja atento a este detalhe e evite ter que fazer reformas ou adaptações futuras tendo em vista que a estrutura do imóvel não é adequada para o ramo de negócio pretendido pela maioria daqueles que buscam por um espaço comercial.

 

Documentação regularizada

Ao investir em uma sala comercial é preciso estar atento a toda documentação do imóvel. É importante não ser pego de surpresa com atrasos ou taxas pendentes. Toda documentação deve ser verificada para que o negócio seja viável e o investidor não tenha dores de cabeça futuras com aspectos legais que deveriam ter sido vistos, mas por falta de atenção, de conhecimento ou negligência, foram deixados de lado ou esquecidos.

 

O “Auto de Conclusão de Obra”, documento popularmente chamado de “Habite-se”, um dos importantes documentos necessários às negociações de compra, venda e locação, é a certidão expedida pela prefeitura atestando que o imóvel – seja residencial ou comercial – está aprovado e pode ser habitado ou foi construído/reformado conforme as exigências legais estabelecidas pelo município. Sem o “Habite-se” não é possível a criação de condomínio, muito menos a individualização da matrícula perante o Cartório de Registro de Imóveis, nem a obtenção das chaves do imóvel.

 

Não é recomendável a aquisição de qualquer tipo de imóvel sem antes verificar a total regularidade da documentação, inclusive se possui o “Habite-se” expedido pelo município, bem como a situação do imóvel perante o Cartório de Registro de Imóveis.

 

Consultoria especializada

Uma dica relevante para quem deseja investir em imóveis – casas, apartamentos, salas comerciais, terrenos, entre outros – é procurar a ajuda de um corretor de imóveis credenciado e devidamente especializado no assunto.

 

Com um corretor de imóveis fica muito mais fácil – e seguro! – avaliar as diversas possibilidades disponíveis no mercado e escolher o imóvel ideal de maneira mais acertada. A negociação em si, desde os primeiros contatos até o fechamento do negócio e o pós-venda, é feita de maneira mais segura, sem atropelos.

 

O trabalho do corretor de imóveis permite que aspectos relacionados à legislação sejam melhor acompanhados e a burocracia mais facilmente cumprida, evitando-se perda de tempo e stress. As informações e as dúvidas, por sua vez, podem ser sanadas durante todo o processo, trazendo mais transparência e credibilidade às partes envolvidas.

 

 

Fonte:

VivaReal – Vale a pena investir em sala comercial para locação?

Mercadante Advocacia – O que é habite-se?

Revista ZAP Imóveis – Confira quais cuidados tomar ao investir em um imóvel para locação

 

Fonte Imagem:

Freepik – Evening Tao

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Site Footer